12 de fevereiro de 2017

Descida acentuada de golos em janeiro


Tirando o triunfo em casa do Braga, o Vitória já acumulou vários resultados negativos desde o início do ano. Os únicos dois golos marcados em 2017 aconteceram precisamente nesse jogo.

Sem marcar golos há 344 minutos, o único resultado positivo do Vitória no campeonato desde o início de 2017 foi obtido no dérbi com o Braga, realizado na Pedreira, há quase um mês. Foi também nesse jogo que a equipa festejou um golo pela última vez, obra de Soares, na derradeira partida com a camisola vitoriana, seguindo depois para o Dragão.

Se no passado recente, a equipa registou muitas vezes quebras de rendimento a partir de janeiro, mês de transferências de inverno, nesta época o histórico de resultados desde o arranque do ano não oferece dúvidas. No que diz respeito ao campeonato, até ao fim de dezembro, a equipa de Pedro Martins disputou 15 jogos e marcou 27 golos, com uma média de 1,8 por partida. Desde o início do ano, nos seis jogos realizados foram marcados apenas dois golos, baixando a média de finalização para 0,33, ou seja, bem menos de metade da obtida até essa altura. A saída de Soares e a ausência de Marega, que esteve na CAN, ajudam a explicar o sucedido, para lá de o reforço Rafael Martins, contratado para ocupar a vaga do compatriota transferido para o FC Porto, ainda não ter calibrado a pontaria.

A diferença no rendimento da equipa de um período para o outro está mesmo no ataque. Isto porque, em termos de golos sofridos, a média não sofreu tanta oscilação. Se até ao fim de dezembro a equipa vitoriana tinha 17 golos encaixados no campeonato, com uma média de 1,13, no novo ano acumulou sete, dando uma média de 1,16 por partida, isto é, com uma ligeira subida.

Números que exigem uma reação rápida do Vitória nas próximas jornadas. Até ao confronto com o Sporting, em Alvalade, na 24.ª jornada, a equipa minhota vai jogar com o Belenenses, na próxima ronda, no Restelo, e depois em casa com o Moreirense. Ainda antes dos leões, há a primeira meia-final da Taça de Portugal com o Chaves, realizada em Guimarães.

In OJogo